Educação de Caarapó quer reduzir analfabetismo entre jovens e adultos do município

Publicado: Terça, 18 Abril 2017

Estratégia é fortalecer o Programa Brasil Alfabetizado, que está com as matrículas abertas

 Foto: Divulgação - Alfabetizandos adultos de Caarapó: ler o mundo com os olhos do saber
Foto: Divulgação - Alfabetizandos adultos de Caarapó: ler o mundo com os olhos do saber
A gestão da Secretaria Municipal de Educação de Caarapó, por determinação do prefeito Mário Valério (PR), busca reduzir a taxa de analfabetismo entre jovens e adultos com idade a partir de 15 anos. A estratégia é atrair essa camada da sociedade para o Programa Brasil Alfabetizado, cujo Termo de Adesão foi formalizado com a Secretaria de Estado de Educação em fevereiro deste ano, com apoio financeiro do Governo Federal.

De acordo com a secretária municipal de Educação e Esportes de Caarapó, Ieda Maria Marran, a taxa de analfabetismo entre jovens e adultos no município é de 12,2%, o equivalente a 2.237 pessoas. “Precisamos reduzir esse número, o que pode ser feito através da oferta de vagas no âmbito do Programa Brasil Alfabetizado”, observou.

Conforme a secretária, o Brasil Alfabetizado vai atender alunos da sede do município, distritos e aldeia indígena. “Convidamos todas as pessoas que não tiveram oportunidade de estudar quando jovens para nos procurar e se cadastrar no programa. Os interessados devem procurar a Secretaria Municipal de Educação e Esportes ou as escolas municipais Professor Moacir Franco e Rui Barbosa para se informar”, disse Ieda Marran.

Programa Brasil Alfabetizado
O MEC realiza, desde 2003, o Programa Brasil Alfabetizado (PBA), voltado para a alfabetização de jovens, adultos e idosos. O programa é uma porta de acesso à cidadania e o despertar do interesse pela elevação da escolaridade.

O Brasil Alfabetizado é desenvolvido em todo o território nacional, com o atendimento prioritário a municípios que apresentam alta taxa de analfabetismo, sendo que 90% destes localizam-se na região Nordeste. Esses municípios recebem apoio técnico na implementação das ações do programa, visando garantir a continuidade dos estudos aos alfabetizandos. Podem aderir ao programa por meio das resoluções específicas publicadas no Diário Oficial da União, estados, municípios e o Distrito Federal.

O objetivo é promover a superação do analfabetismo entre jovens com 15 anos ou mais, adultos e idosos, e contribuir para a universalização do ensino fundamental no Brasil. Sua concepção reconhece a educação como direito humano e a oferta pública da alfabetização como porta de entrada para a educação e a escolarização das pessoas ao longo de toda a vida.

As ações se concentram no âmbito do apoio técnico e financeiro a projetos de alfabetização de jovens, adultos e idosos apresentados pelos estados, municípios e Distrito Federal.

Vacinação contra a gripe começa no dia 17 em Caarapó

Publicado: Quinta, 13 Abril 2017

Começa na próxima segunda-feira (17) a vacinação contra o vírus Influenza em Caarapó. O vírus é responsável pela transmissão da gripe.

Ilustração - Folheto governamental explica o que é gripe e orienta para as formas de prevenção da doença
Ilustração - Folheto governamental explica o que é gripe e orienta para as formas de prevenção da doença
De acordo com o Setor de Vigilância Epidemiológica da Secretaria Municipal de Saúde, a vacinação será realizada em etapas, por grupos prioritários. Na primeira etapa, que começa na próxima segunda-feira e vai até o dia 20 deste mês, serão vacinados os profissionais de saúde e crianças de seis meses a menores de dois anos.

A segunda fase da vacinação vai atender os grupos de gestantes, puérperas (mães que deram à luz recentemente) e crianças de dois anos a menores de cinco anos. Essa etapa vai começar no próximo dia 24 deste mês e se encerrará no dia 28.

A terceira etapa vai de 2 a 26 de maio. Nessa fase deverão ser vacinados os integrantes dos demais grupos prioritários: povos indígenas, pessoas com idade a partir de 60 anos, adolescentes e jovens entre 12 e 21 anos sob medidas socioeducativas, presidiários e funcionários do sistema prisional, portadores de doenças crônicas não transmissíveis e outras condições clínicas especiais, independentemente da idade, professores do ensino básico (ensino regular, especial, educação de jovens e adultos) e superior das escolas públicas e privadas.

Dia D
A Secretaria Municipal de Saúde informou que haverá um dia de mobilização nacional, o chamado Dia D, para vacinação de integrantes de todos os grupos que não tiverem sido vacinados nas etapas anteriores. Será no sábado, 13 de maio. Nessa data, os postos de vacinação vão funcionar em todas as unidades de saúde da cidade e distritos, incluindo o PAM.

Influenza
Influenza, comumente conhecida como gripe, é uma doença viral febril, aguda, geralmente benigna e autolimitada. É frequentemente caracterizada por início abrupto dos sintomas, que são predominantemente sistêmicos, incluindo febre, calafrios, tremores, dor de cabeça, mialgia e anorexia, assim como sintomas respiratórios com tosse seca, dor de garganta e coriza. A infecção geralmente dura uma semana e com os sintomas sistêmicos persistindo por alguns dias, sendo a febre o mais importante.

Com a realização da campanha, não há a pretensão de se conter a doença. O objetivo é promover a prevenção da Influenza grave e de suas complicações, contribuindo na diminuição da mortalidade em indivíduos com maior risco de hospitalização e morte por Influenza.

Em Caarapó, a meta é vacinar 90% dos integrantes dos grupos prioritários, compostos por 12.506 pessoas.

Transmissão e prevenção
Conhecer para prevenir é muito importante. É o que preconizam os organismos de saúde, que informam que a gripe pode ser transmitida de forma direta por meio das secreções da s vias respiratórias de uma pessoa contaminada ao respirar e espirrar, ao tossir ou ao falar, ou por meio indireto pelas mãos, que, após contato com superfícies recentemente contaminadas por secreções respiratórias de um individuo infectado, podem carregar o vírus diretamente para a boca, nariz e olhos. Não ha diferença de transmissão entre os tipos de Influenza.

Os principais conselhos sobre como evitar o contágio são: frequentemente lavar as mãos, principalmente antes de consumir algum alimento, utilizar lenço descartável para higiene nasal, cobrir nariz e boca ao espirrar ou tossir, evitar tocar mucosas de olhos, nariz e boca, não compartilhar objetos de uso pessoal, como talheres, pratos, copos ou garrafas, manter os ambientes bem ventilados, evitar contato próximo a pessoas que apresentem sinais ou sintomas de gripe, higienizar as mãos após tossir ou espirrar, evitar aglomerações e locais fechados, adotar hábitos saudáveis, como alimentação balanceada e ingestão de líquidos.

Ilustração
Folheto governamental explica o que é gripe e orienta para as formas de prevenção da doença