Início Dados do Município Galeria de Imagens Buscar Matéria Áudio Notícias Fala Cidadão Serviços Concursos Portal Transparência
Pronatec forma 42 profissionais em Caarapó
02 de julho de 2015 às 14:37
Solenidade de entrega de certificados foi realizada no último dia 26, com a presença do prefeito Mário Valério e outras autoridades

Foto: José Carlos - Formandas, capacitadoras e autoridades municipais após a solenidade de entrega dos certificados
A Prefeitura de Caarapó, através da Secretaria de Ação Social, realizou no último dia 26 a entrega de certificados dos cursos profissionalizantes do Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (Pronatec). A cerimônia aconteceu na Câmara de Vereadores de Caarapó, com a presença do prefeito Mário Valério (PR), de outras autoridades municipais, formandos e famílias.

Foram entregues certificados para 42 concluintes dos cursos de Recepcionista e Costureiro, ambos ofertados pelo Senac (Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial).

Além do mandatário caarapoense, prestigiaram a solenidade  o vereador Manoelito Félix de Oliveira (PMDB), que no ato representou a Câmara de Vereadores, a secretária de Ação Social, Zoraide Cáceres Rojas Vieira, a coordenadora pedagógica do Senac, Dayane Cristiny de Souza Lino, o presidente do Conselho Municipal de Saúde, Jaime Pereira Alves, a coordenadora do Pronatec em Caarapó, Gisele Campos, os secretários Ieda Maria Marran (Educação e Esportes), José Claudio Poças Conegliana (Administração e Finanças) e Ivo Benites (Saúde), além de outras autoridades e convidados.

Segundo a coordenadora pedagógica do Senac, Dayane Cristiny de Souza Lino, os cursos profissionalizantes são importantes elementos constitutivos da formação do indivíduo que busca inserir-se com uma bagagem adicional no mercado de trabalho. “Desde a adesão do Pronatec pela prefeitura de Caarapó, o Senac vem oferecendo diversos cursos ao município, que foram desenvolvidos com grande sucesso e poucas desistências”, observou. Dayane ainda acrescentou que Caarapó será contemplado com três cursos PSG (Programa Senac de Gratuidade) e mais dois cursos pelo Pronatec, ainda com datas a serem definidas.

A secretária de Ação Social, Zoraide Cáceres Rojas Vieira, parabenizou os concluintes e destacou a importância da busca por novos aprendizados. “O conhecimento que se adquire é um bem que jamais será retirado de quem o detém. Por isso só nos resta agradecer à administração municipal, que tem dado todo apoio para que esses cursos continuem, através dessa parceria com o Senac, instituição que tem mostrado, no decorrer da execução dos cursos organização, seriedade e comprometimento”, enfatizou.

Já o prefeito Mário Valério disse que, desde que assumiu a administração municipal, procurou ser parceiro com o Senai e Senac, para que os cursos continuassem acontecendo no município. “Vale ressaltar que o mercado de trabalho está cada dia mais exigente, e por isso as pessoas devem estar se capacitando para atender as demandas que existem de serviços. Nosso desejo, enquanto homem público, é procurar qualificar nossos moradores, pois agindo assim acredito que estaremos dando oportunidade para que continuem residindo e trabalhando aqui”, disse, acrescentando que “a busca pelo conhecimento é muito importante. A única coisa que ninguém tira da gente é o saber”, frisou.

Os alunos que não compareceram à cerimônia de entrega dos certificados poderão retirá-los no CRAS, no horário das 16h às 18h30. Os interessados nos cursos que serão ofertados neste ano pelo Senac poderão acompanhar as informações pela página do facebook: Pronatec Caarapó.

Pronatec
O Pronatec vem sendo desenvolvido desde o ano de 2013 em Caarapó trazendo por meio de parcerias com as instituições do sistema S (Senai, Senac e Senar) cursos nas áreas de gestão, produção alimentícia, estética e mecânica. O programa é uma das principais ações de inclusão produtiva do Plano Brasil Sem Miséria coordenado pelo Ministério da Educação (MEC). Criado pela Lei nº 12.513/2011, essa parceria prevê a oferta gratuita de qualificação profissional para pessoas inscritas no CadÚnico na modalidade intitulada Bolsa Formação Trabalhador.
 

 
Prefeitura de Caarapó injeta R$ 3,3 milhões na economia local
02 de julho de 2015 às 15:34
Valores se referem aos salários dos servidores e 1ª parcela do 13°; previsão de liberação pelos bancos é para esta quinta-feira
 
Foto: Dilermano Alves - O prefeito Mário Valério, o secretário de Finanças José Cláudio Conegliana e o tesoureiro José Carlos Fagundes discutem as finanças municipais durante reunião no gabinete do prefeito
A prefeitura de Caarapó está injetando mais de R$ 3,3 milhões na economia local nesta quinta-feira (2). Os valores se referem ao pagamento dos salários dos servidores municipais e à liberação da primeira parcela do 13° salário.
 
O prefeito Mário Valério (PR) disse que a administração municipal faz um grande esforço para manter em dia as finanças do município. “Governamos com equilíbrio, de modo a conciliar os recursos disponíveis com as despesas, que incluem pagar salários e dívidas com credores”, observou, destacando a crise econômica vivida pelo país. “Não é segredo para ninguém a situação de dificuldade que o governo federal está enfrentando, que reflete diretamente nos municípios”, disse Mário Valério. “Vivemos constantes quedas na arrecadação municipal, o que dificulta a execução das ações que planejamos, mas aos poucos vamos realizando as obras e os serviços em favor da nossa população, cujas demandas vão além da nossa capacidade financeira”, continuou.
 
De acordo com o prefeito de Caarapó, há sempre uma reserva de recursos suficiente para arcar com os compromissos salariais. “Pagamento de servidores é prioridade. Trabalhou, recebeu”, enfatizou.
 
Em relação ao pagamento do grupo do Magistério, a prefeitura teve de disponibilizar R$ 535 mil de recursos próprios para complementar o Fundeb. Os recursos do Fundeb, entre outras obrigações, destinam-se ao pagamento dos professores e parte dos administrativos. Em junho, os recursos arrecadados (Fundeb) foram deficitários, obrigando a administração municipal a lançar mão de verba do Tesouro Municipal para completar o fundo.
O Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação (Fundeb) foi criado pela Emenda Constitucional nº 53/2006 e regulamentado pela Lei nº 11.494/2007 e pelo Decreto nº 6.253/2007, em substituição ao Fundo de Manutenção e Desenvolvimento do Ensino Fundamental e de Valorização do Magistério - Fundef, que vigorou de 1998 a 2006.

É um fundo especial, de natureza contábil e de âmbito estadual (um fundo por estado e Distrito Federal, num total de vinte e sete fundos), formado, na quase totalidade, por recursos provenientes dos impostos e transferências dos estados, Distrito Federal e municípios, vinculados à educação por força do disposto no art. 212 da Constituição Federal. Além desses recursos, ainda compõe o Fundeb, a título de complementação, uma parcela de recursos federais, sempre que, no âmbito de cada Estado, seu valor por aluno não alcançar o mínimo definido nacionalmente. Independentemente da origem, todo o recurso gerado é redistribuído para aplicação exclusiva na educação básica.

Os valores referentes aos salários e à primeira parcela do 13° salário dos funcionários municipais já estão depositados nas contas dos servidores e a liberação deve ocorrer nesta quinta-feira.
 

 
Informativo Prefeitura de Caarapó - 02/07/2015
02 de julho de 2015 às 14:31
 
Mais Notícias
Advertisement
Advertisement
Advertisement
 
Advertisement