Segundo passeio ciclístico de combate ao trabalho infantil supera expectativa de público em Caarapó

Publicado: Terça, 13 Junho 2017


A prefeitura Municipal de Caarapó, por meio da Secretaria Municipal de Ação Social, promoveu no ultimo sábado dia 10 o 2° Passeio Ciclístico de Combate ao Trabalho Infantil. O evento reuniu centenas de participantes.
Segundo a técnica de referência do AEPETI (Ações Estratégicas do Programa de Erradicação do Trabalho Infantil) no município de Caarapó, Juliana Marques Rufino, foram realizadas cerca de 500 inscrições entre crianças e adolescentes de seis a 17 anos de idade.

A Secretaria de Assistência Social de Caarapó tem fortalecido as ações contra o trabalho infantil e várias atividades vêm sendo promovidas com o intuito de erradicar essa prática no município e a campanha tem como objetivo sensibilizar a população e alertar a comunidade em geral em seus diferentes núcleos do governo sobre a realidade do trabalho infantil, uma prática que se mantém corriqueira em diversas regiões do Brasil e do mundo.
“Ter a comunidade participando de um evento como nos dá a certeza de que estamos trilhando o caminho certo, pois a maior dificuldade em realizar essas campanhas é conseguir chamar a atenção do publico e de trazer a comunidade a participar dessas campanhas”, destacou Juliana Rufino, acrescentando que “o evento superou nossas expectativas, não imaginávamos esse grande número de pessoas entre idosos, crianças e famílias inteiras participando”. Segundo a técnica do AEPETI, no decorrer do ano serão realizadas novas ações do gênero em Cristalina, Nova América e aldeia indígena.
O prefeito Mário Valério (PR), ao lado de outras autoridades do Poder Executivo municipal, entre elas as secretárias de Assistência Social Carolina Carvalho e de Educação e Esportes, Ieda Marran, participou do evento. Para o dirigente, é importante promover consciência sobre os problemas que o trabalho infantil pode provocar no desenvolvimento da criança e do adolescente. “Precisamos lutar contra esse tipo de prática, de modo a garantir um futuro com qualidade de vida para as nossas crianças”, destacou Mário Valério.

Conforme o Observatório da Criança e do Adolescente, que trata de temas e indicadores relacionados às crianças e adolescentes de todo o Brasil (https://observatoriocrianca.org.br/), a Constituição Federal, em seu artigo 7º, proíbe no Brasil o trabalho noturno, perigoso ou insalubre aos menores de 18 anos e qualquer trabalho aos menores de 16 anos, salvo na condição de aprendiz, a partir dos 14 anos.
Nos últimos 20 anos, com a adoção de políticas públicas voltadas a esse problema, o Brasil reduziu de maneira significativa o número de crianças e adolescentes que trabalhavam no pais. Entretanto, muito ainda precisa ser feito para a erradicação do trabalho infantil em todo o território nacional.

Estudos demonstram que trabalho infantil prejudica o desenvolvimento físico, psicológico e intelectual das crianças e dos adolescentes que o exercem. Esses jovens são afastados do convívio familiar e perdem o tempo valioso que teriam para brincar, descansar e estudar, além de ficarem vulneráveis a diversas formas de violência.

O trabalho precoce pode, também, levar à queda do desempenho ou ao abandono escolar. Por vezes, também acaba conduzindo essas crianças e esses adolescentes a uma vida adulta limitada, na qual exercem subempregos, com salários baixos e em condições degradantes. Esses fatores acabam contribuindo para perpetuação da pobreza e a reprodução das desigualdades sociais. Além disso, pesquisas apontam a existência de uma estreita relação entre o trabalho infantil e a pobreza. De acordo com esses estudos, famílias mais vulneráveis tendem a empregar mão de obra infantil em suas lavouras, comércios e em serviços domésticos não remunerados. Esses mesmos estudos mostram que as taxas de trabalho infantil aumentam em regiões afetadas por secas, inundações e más colheitas, pois, para amenizar os danos econômicos sofridos, as famílias acabam utilizando seus filhos como mão de obra.

Em Brasília, Mário Valério participa de reuniões e busca recursos em ministérios

Publicado: Quarta, 07 Junho 2017

Foto: Divulgação Prefeito Mário Valério, ao lado de outros prefeitos, durante reunião na terça-feira, em Brasília
Foto: Divulgação Prefeito Mário Valério, ao lado de outros prefeitos, durante reunião na terça-feira, em Brasília
O prefeito de Caarapó, Mário Valério (PR), participou em Brasília, na terça e quarta-feira desta semana, de uma extensa agenda de trabalho em ministérios e outros órgãos do governo federal. O mandatário caarapoense buscava recursos para o município em áreas estratégicas da administração municipal, como educação, saúde, infraestrutura urbana e assistência social.

De acordo com a Assessoria de Comunicação da prefeitura de Caarapó, o gestor reuniu-se com autoridades dos ministérios da Saúde e Educação, especificamente com representantes do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE), com vistas a viabilizar recursos para a creche da Comunidade São Jorge, retomada das obras da quadra poliesportiva da aldeia indígena, construção de quadra de esportes para o distrito de Nova América, ônibus novos para o transporte escolar e ampliação de centros municipais de Educação Infantil na sede do município. Outro compromisso foi cumprido no Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome. Outra agenda incluía encontros no Palácio do Planalto e nos ministérios da Integração Nacional, Turismo e Esporte, além de reuniões com parlamentares sul-mato-grossenses.

A administração municipal de Caarapó encaminhou a diversos órgãos federais uma série de projetos que contemplam ações nos mais diferentes setores de responsabilidade do Poder Público. De acordo com o prefeito, os pleitos estão em trâmite nos ministérios, sendo acompanhados pelos parlamentares da bancada sul-mato-grossense no Congresso Nacional.

“Estamos confiantes no saldo positivo da nossa viagem à Capital do País. Com o apoio dos nossos senadores e deputados federais, em breve teremos boas notícias para transmitir à nossa gente”, declarou o prefeito Mário Valério, que deverá retornar ao município na próxima sexta-feira (9).

Foto: Divulgação
Prefeito Mário Valério, ao lado de outros prefeitos, durante reunião na terça-feira, em Brasília

Mais notícias...